Cena 01 (Floresta de Null – Noite – Ext.)

 

Fade in

 

A cena abre em meio a floresta onde estão Adrian, Sarah e Gildore cercados por 10 drakors que se aproximam deles. Imagem fecha nos três.

 

Gildore: (Apreensivo) Não se movam, eles são muito rápidos.

 

Adrian segura a espada com firmeza. De repente um dos drakors é atingido por uma flecha na cabeça e cai morto no chão.

 

Adrian: (Surpreso) O que foi isso?

 

“Eles olham em direção aonde veio a flecha e, Borowir com o arco apontado, se aproxima em seu cavalo. Os drakors se assustam.

EFEITO SLOW MOTION

Adrian que ataca um deles com a espada cortando sua cabeça. A seguir, a câmera em movimento rápido mostra Sarah que ataca outro drakor, porém este desvia-se e é atingido por uma bola de fogo lançada por Gildore. Em seguida imagem se move até Borowir que desce do cavalo e com a espada parte para cima de dois drakors, enquanto vemos Adrian matar mais dois.

Os outros 5 drakors fogem voando.

FIM DO SLOW MOTION

Adrian: Ainda não entendo como essas coisas chegaram aqui.

Gildore: Drakors são criaturas poderosas, encontraram uma forma de atravessar a fronteira.

 

Borowir se aproxima de Adrian que o abraça.

Adrian: Borowir, obrigado pela ajuda meu amigo. Por um momento achei que estava contra nós.

Borowir: Eu o conheço desde criança, sei que você não é uma ameaça, mas corre perigo. Wolfric está procurando por você… (apontando para Sarah) E ela.

Sarah: Ele quer a Vodijha para atravessar a fronteira.

 

De repente um clarão aparece no céu e todos olham surpresos.

 

Sarah: O que foi aquilo?

Borowir: Estamos sendo atacados. Soldados de Eldor estão atacando a fronteira.

 

Close em Gildore que se mostra preocupado.

 

Adrian: Gildore, o que foi?

Gildore: Ele sabe.

Adrian: (Confuso) Quem sabe? Do que?

 

Gildore olha para o céu e outro clarão aparece.

 

Gildore: Aladark sabe que o Witcher está vivo e que o Livro das Sombras está perto.

Sarah: Mas é impossível atravessar a fronteira sem Vodijha, não é Gildore?

Gildore: A fronteira está se enfraquecendo.

 

Imagem mostra o céu sendo iluminado por outro clarão.

 

Gildore: Devemos nos apressar.

 

Adrian: Precisamos ir atrás de Wolfric e recuperar o Livro das Sombras.

Borowir: Não acho uma boa ideia. Está escuro e cheio de drakors por aí. Melhor esperar amanhecer.

Adrian: Não posso meu amigo, o que ele carrega é muito precioso e a fronteira está se enfraquecendo.

 

Adrian vai em direção a trilha quando é interrompido por Gildore.

 

Gildore: Calma meu jovem. Borowir tem razão. É melhor esperarmos amanhecer.

Borowir: Melhor irmos para minha casa, ficaremos em segurança lá até o amanhecer e depois iremos ao Palácio do Conselho.

 

Adrian olha para Gildore que sinaliza com a cabeça positivamente.

 

Adrian: Está bem.

 

Eles apagam a fogueira e colocam as coisas no cavalo de Borowir. Em seguida vão em direção a trilha.

 

Borowir: Como você se meteu nessa?

Adrian: Nem eu mesmo sei, mas te contarei quando chegarmos.

 

CORTA PARA…

 

Cena 02 (Fronteira – Dia – Ext.)

Imagem abre mostrando uma catapulta gigante com uma grande pedra sendo atirada. Cam acompanha a pedra que atinge a barreira provocando um choque de impacto.

 

Corta em um soldado alto vestindo uma armadura e com um capuz na cabeça. Ele vai andando passando por vários soldados que continuam atirando na barreira.

 

Soldado: Homens, a barreira está enfraquecendo, continuem atirando, até o pôr do sol conseguiremos entrar.

 

A Cam vai se afastando até mostrar o exército de soldados atirando várias pedras de fogo na barreira.

 

CORTA PARA…

 

Cena 03 (Palácio do Conselho – Dia – Int.)

Abre em um salão grande onde o conselheiro está sentado a uma mesa analisando alguns manuscritos. De repente ouve-se várias vozes que parecem vir de fora do palácio. O conselheiro para e se atenta ao barulho.

 

CORTA PARA…

 

PRAÇA EM FRENTE AO PALÁCIO – DIA – EXT.

 

A imagem abre mostrando várias pessoas reunidas na praça falando em tom de protesto. Um guarda aparece na entrada principal do palácio.

 

Guarda: O que está acontecendo?

 

Um homem que está entre as pessoas se coloca a frente.

 

Homem: Queremos falar com o conselheiro, e saber o que ele tem a dizer sobre os ataques.

Guarda: (Confuso) Que ataques?

Homem: Criaturas estão atacando pessoas e animais. Estamos perdendo nossas plantações. O que ele tem a dizer sobre isso?

 

A multidão se manifesta concordando com o homem.

 

Guarda: Silencio! O conselheiro está muito ocupado agora, mas afirmo à vocês que ele está fazendo tudo que estiver ao seu alcance para resolver esta questão.

Homem: Por que ainda não prenderam o responsável? Porque se trata do irmão do conselheiro não é? (Falando para a multidão) Ele está o protegendo.

 

A multidão avança tentando entrar no palácio mas são impedidos pelos guardas que tentam conte-la.

 

CORTA PARA…

 

 

Cena 04 (Arghon – Casa de Borowir – Dia – Ext.)

A cena abre na varanda de uma casa feita de madeira com telhado de palha. Imagem fixa na varanda mostra o brilho do sol iluminando a casa e um campo com plantações de cevada que se estende até uma montanha ao fundo. Adrian sai da casa e admira o cenário se apoiando na cerca da varanda.

Sarah sai em seguida e se coloca ao lado de Adrian.

 

Adrian: É uma bela vista não é?

Sarah: Sim.

Adrian: Sentirei falta deste lugar.

Sarah: Eu entendo. Também sinto falta de Eldor. Mesmo com toda maldade que Aladark causou, eu ainda amo aquele lugar.

 

Sarah se vira de costa para cerca e se apoia nela ficando de frente para Adrian.

 

Adrian: Deixarei muitas lembranças aqui. Principalmente do meu pai. Não sei se conseguirei cumprir a profecia.

Sarah: Sim você conseguirá. Pense que aqueles que amamos não morreram em vão.

 

Adrian olha para baixo triste, e Sarah pega sua mão. Close nos dois se entreolhando. Neste momento Gildore aparece e se surpreende mostrando-se confuso. Sarah solta a mão de Adrian.

 

Sarah: (Constrangida) Com licença.

 

Ela entra na casa, Gildore se aproxima de Adrian apoiando-se na varanda e admirando a paisagem.

 

Gildore: E então meu jovem? O que se passa em sua mente agora?

Adrian: Estou muito confuso Gildore. Tenho medo de fracassar.

Gildore: (Respira fundo) Eu sei. Mas seu medo pode ser a nossa esperança.

Adrian: Como assim Gildore?

 

Gildore se vira de frente para Adrian.

 

Gildore: O mundo está mudando. Tempos sombrios estão chegando e toda coragem será necessária para enfrentar essa tempestade. Porém para alcançá-la, primeiro o medo deverá existir. Na hora certa seu medo se transformará em coragem, meu caro jovem.

Adrian: Me sinto responsável por essas coisas ruins que aconteceram. Principalmente por meu pai que morreu me protegendo. Isso é tão injusto.

Gildore: Há pessoas que merecem morrer e vivem e pessoas que morreram e mereciam viver. Não somos nós que decidimos isso.

 

Close no rosto de adrian, seus olhos começam a lacrimejar. Gildore apoia sua mão no ombro de Adrian.

 

Gildore: Meu caro, eu sei como você se sente, o destino quis assim. Mas nesta vida não podemos voltar, mas apenas nos é dado a opção de seguir em frente. O destino de Ruffus foi dar a vida para lhe proteger. Seu destino é fazer com que a morte dele não seja em vão.

 

Adrian apenas acena positivamente com a cabeça.

 

Adrian: Devemos ir agora.

 

Eles entram na casa.

 

CORTA PARA…

 

Cena 05 (Palácio do Conselho – Dia – Int.)

A cena abre no conselheiro observando através da janela a multidão na praça em frente ao palácio tentando invadir. De repente uma ouvimos uma voz.

 

Voz: Agora você acredita no que eu lhe disse?

 

O conselheiro se vira para ver quem está falando.

 

Conselheiro: (Surpreso) Você?

 

Imagem em close mostra Wolfric.

 

Wolfric: Agora suas terras estão sendo invadidas, o povo se volta contra você. Parece que está sem saída conselheiro.

 

O conselheiro olha para baixo se mostrando perdido.

 

Conselheiro: O que quer que eu faça?

 

Wolfric: Me entregue a garota, e a paz voltará a reinar por aqui. Me ajude a captura-la e suas terras estarão seguras.

 

Conselheiro: Por que devo confiar em você?

 

Wolfric: Por que não tem outra saída.

 

Close no conselheiro.

 

CORTA PARA…

 

Cena 06 (Praça em Frente ao Palácio – Dia – Ext.)

Imagem abre na praça onde a multidão avança tentando entrar no palácio mas são impedidos pelos guardas que tentam conte-la. De repente o Conselheiro aparece na entrada principal e faz um sinal para as pessoas que param a manifestação. Todos ficam em silencio atentos ao conselheiro.

 

Conselheiro: Povo de Arghon. Sei como se sentem, mas vamos fazer o possível para controlar a situação. Não importa quem seja o responsável irá pagar pelo mal que trouxe ao nosso povoado.

 

De repente ao fundo na entrada da praça chegam Gildore, Adrian seguidos por Borowir e Sarah. Imagem foca na expressão do conselheiro surpreso.

Close em Adrian que observa a multidão sem entender.

 

Adrian: O que está acontecendo Gildore?

Gildore: (Confuso) Acho que não foi uma boa ideia virmos aqui.

 

Um homem à frente da multidão se aproxima deles.

 

Homem: (Apontando para Adrian) São eles. Eles são culpados pelos ataques.

 

A multidão se manifesta, Adrian retira a espada da cintura. Em seguida Borowir desce do cavalo, retira uma espada das costas e se coloca ao lado de Adrian.

 

Adrian: O que está acontecendo?

Borowir: Parece que Wolfric envenenou a cabeça de seu irmão.

 

De repente os guardas do palácio avançam e tomam a frente da multidão.

 

O conselheiro se aproxima acompanhado de um dos guardas.

 

Conselheiro: Adrian!

 

Adrian e o conselheiro se encaram.

 

Adrian: Adriel! O que está fazendo?

Conselheiro: Entreguem-se! Não tem mais para onde fugir.

Adrian: O que deu em você?

 

Conselheiro olha para Sarah, que se mostra confusa.

 

Conselheiro: Ela trouxe a desgraça para nosso povoado.

Adrian: Não foi ela foi Wolfric. Ele é um dos cavaleiros de Eldor. Ele matou nosso pai.

Conselheiro: (Com raiva) Meu pai!

 

Adrian olha confuso e surpreso para o conselheiro.

 

Conselheiro: Você não é meu irmão Adrian.

Adrian: (Perdido) Então… Você sabia, todo esse tempo e não me contou? Por que?

Conselheiro: Por causa dele. Ele me fez jurar que não contaria. Mas agora ele morreu, por sua causa.

 

Adrian se mostra chocado e confuso.

 

Conselheiro: Prendam eles, e me tragam a bruxa.

 

Os guardas avançam. Borowir e Adrian se colocam a frente de Sarah. Em seguida são atacados e uma luta começa.

Borowir lutando com dois guardas. Ele usa duas espadas, uma em cada mão. Com uma delas ele desarma um soldado e o derruba, enquanto com a outra ele se protege. Em seguida vemos Adrian cercado por três guardas, dois atacam, porém ele dá um giro e os desarma. Um dos guardas mais atrás lança uma corda com um laço em direção a Sarah que a prende e a puxa fazendo-a cair e ser arrastada. Gildore rapidamente lança fogo que queima a corda e em seguida levanta a mão direita e lança um raio para cima, chamando a atenção de todos.

 

Gildore: Já basta!

 

A luta para e todos recuam. Gildore toma a frente.

 

Gildore: Idiotas! Como podemos lutar entre nós, enquanto o inimigo (apontando em direção à fronteira) está lá fora querendo entrar?

 

De repente um clarão ilumina o céu.

 

Gildore: Viram?

 

O homem à frente da multidão se aproxima.

 

Homem: O que é aquilo?

 

Gildore: Aquilo é o verdadeiro inimigo querendo entrar em nossas terras.

 

O conselheiro se aproxima tomando a frente.

 

Conselheiro: (Apontando para Sarah) Foi ela quem nos trouxe este mal.

 

Adrian: E quem lhe disse isso Adriel? Foi Wolfric? Você prefere confiar em um homem estranho, soldado de Eldor que invadiu nossas terras, e trouxe essa desgraça, do que em aqueles à quem você conhece?

 

Adriel se mostra intimidado. Adrian se posiciona ao lado de Sarah.

 

Adrian: (Falando para multidão) Esta é a princesa Sarah de Anárion, filha do grande rei Victor de Eldor! Ela veio fugindo de Wolfric, um soldado enviado por Aladark, aquele também que espalha o terror sobre as terras além de nossa fronteira. Agora ele quer também dominar nossas terras e espalhar o mal aqui no Novo Mundo.

 

Conselheiro: A fronteira é impenetrável. Foi construída há anos pelos poderosos magos de outrora.

 

Sarah: Não. Se os drakors conseguiram entrar, Aladark, que tem vários magos e um exército poderoso ao seu comando conseguirá também, é só uma questão de tempo.

 

Conselheiro: E o que você sugere que façamos?

 

Borowir se aproxima e fala para a multidão.

 

Borowir: (Com convicção) Lutaremos.

 

Todos ficam surpresos.

 

Borowir: Não podemos deixá-los tomarem o que é nosso.

 

Conselheiro: Acha que teremos chance contra um exército de Eldor?

 

Borowir: Temos o poderoso mago da montanha, e o Witcher ao nosso lado e isso já conta muito a nosso favor.

 

Todos olham para Adrian surpreso. Conselheiro se aproxima de Adrian curioso.

 

Conselheiro: Adrian, você é mesmo o Witcher?

 

Adrian levanta a espada que começa a emitir um brilho ofuscante e todos olham chocados. Close em Adrian.

 

Adrian: Iremos resistir!

 

A Cam se movimenta para a entrada do palácio onde Wolfric aparece. Todos olham para ele.

 

Conselheiro: (Apontando) Guardas, prendam-no!

 

Os guardas avançam em sua direção. De repente os olhos de Wolfric começam a ficar vermelhos e sua respiração fica mais intensa. Ele começa a se transformar. Os guardas se assustam e começam a recuar.

 

Borowir: Mas o que é isso?

Adrian: Se afastem!

 

Borowir e Adrian empunham suas espadas. Wolfric se transforma em um grande lobisomem.

 

Conselheiro: Pelos espíritos!

 

Todos olham em silencio. De repente o lobo uiva e todos começam a correr.

Os guardas avançam para ataca-lo, porém o lobo arranca uma das colunas que sustentam a fachada do palácio e joga contra eles. Adrian olha surpreso e corre em direção ao lobisomem. Gildore percebe.

 

Gildore: (Preocupado) Adrian!

 

Adrian corre desviando-se da multidão que se dispersa em pânico, até que chega próximo da criatura. Ele a encara segurando sua espada com firmeza. Close em Adrian.

 

Adrian: Não tenho medo de você.

 

O grande lobo uiva e pega uma espada grande de proporção ao seu tamanho. Em seguida ele ataca Adrian que se defende, mas cai devido ao forte impacto. Borowir, Gildore e Sarah correm em direção a Adrian. Sarah para de repente e observa algo no céu se aproximando.

 

Sarah: Borowir!

 

Close em Borowir que olha para o céu. A cam se movimenta para o alto até que vemos drakors se aproximando.

 

Borowir: Por Thorin! Gildore proteja Sarah.

 

Corta em Adriel que apreensivo observa a luta entre o lobisomem e Adrian que está no chão enquanto o lobo se aproxima e o encara ferozmente. Adrian tenta se afastar arrastando-se. O lobisomem levanta sua espada contra Adrian e preste a dar um golpe ele é atingido por uma flecha sem muito efeito. Imagem se movimenta até Adriel com um arco na mão. Ele atira várias flechas fazendo o lobo recuar. Adrian se levanta.

 

Adrian: Adriel! Cuidado.

 

O lobisomem vai em direção a Adriel, que se mostra assustado e atira flechas em direção ao lobisomem mas sem muito efeito. Adrian se levanta e observa drakors atacando a cidade.

 

Corta brusco em Borowir que observa a cidade sendo atacada. Imagem mostra uma mulher fugindo de um drakor, porém ela tropeça e cai. O drakor a cerca e prestes a ataca-la é impedido por Borowir que tenta dar um golpe mas a criatura foge. A mulher se levanta e corre em desespero.

 

Corta no lobisomem que avança contra Adriel que atira sua última flecha. Adrian observa e corre em sua direção porém ele é golpeado por drakor e cai.

 

Adrian: (Caindo no chão) Ah droga! Adriel!

 

Ele observa  Adriel sendo encurralado pelo lobo, que neste momento levanta sua espada e  o golpeia ferindo-o na cintura. Close em Adrian.

 

Adrian: (Em desespero) Não! Adriel!

 

EFEITO SLOW MOTION – AUDIO OFF

 

Adrian se levanta e olha com raiva para o lobisomem que o encara. Ele pega a espada e a segura com firmeza fazendo com que ela emita um brilho. Ele caminha em direção ao lobo que se mostra intimidado.

 

FIM DO SLOW MOTION – AUDIO ON

 

Adrian corre em direção ao lobisomem e o golpeia chocando sua espada com a dele.

 

Corte brusco para Borowir que vai em direção a Gildore e Sarah.

 

Borowir: Gildore essas criaturas, temos que fazer alguma coisa.

Gildore: Elas são muito rápidas.

 

Borowir olha para o sino da torre ao lado do palácio.

 

Borowir: Gildore o sino.

Gildore: (Confuso) O que tem de errado com o sino?

Borowir: Não! As criaturas são sensíveis ao toque do sino.

Gildore: Vibrações é claro.

 

Gildore aponta sua mão para o sino.

 

Gildore: “Sagitta vulnus”!

 

De repente uma espécie de flecha magica é lançada das mãos de Gildore e atinge o sino da torre que começa a tocar. Os drakors começam a ficar incomodados. Um deles cai sobre alguns barris em frente a uma casa e rapidamente é atingido por flechas de alguns soldados.

 

Borowir: Ótima ideia Gildore.

 

Borowir em seguida vai em direção aos soldados para ajudá-los. Sarah olha para Adrian que luta contra o lobisomem.

 

Sarah: (Preocupada) Adrian!

 

Imagem acompanha os movimentos de Adrian que golpeia o lobisomem, mas ele se defende sem muito efeito. Em seguida o lobo dá um golpe desarmando Adrian. Ele o pega pelo pescoço e o suspende encarando-o com raiva. Adrian respira com dificuldade tentando se soltar. Sarah corre em direção a Adrian.

 

Sarah: Adrian!

 

O lobo desvia o olhar para ela reparando no pingente que brilha em seu pescoço. Em seguida ele observa ao seu redor surpreso e com medo, percebendo que os drakors estão sendo mortos. Ele solta Adrian e vai em direção a Sarah. Foca em Borowir.

 

Borowir: (Preocupado) Princesa!

 

Sarah para de repente e antes que possa fugir o lobo a pega e dá um salto para o telhado de uma das casas.

 

EFEITO SLOW MOTION

 

Imagem mostra a princesa sendo levada pelo lobo. Neste momento ela arranca o pingente e o deixa cair.

 

FIM DO SLOW MOTION

 

O lobo foge saltitando em direção a floresta.

 

Adrian se levanta com olhar apreensivo. Ele repara no pingente que brilha no chão e corre em direção a ele. Ele pega o pingente, em seguida olha para o Adriel ferido no chão e corre em sua direção. Ele se aproxima, se ajoelha e coloca a cabeça dele em seus braços.

 

Adriel: (Respirando com dificuldade) Adrian.

Adrian: (Apreensivo) Adriel, não fale. Aguente firme, Gildore deve ter alguma coisa para ajudá-lo. Eu vou chama-lo.

Adriel: Não, já é tarde. Me perdoe meu irmão.

Adrian: Adriel eu sinto muito.

Adriel: Você tem um grande destino. Faça com que a minha morte e a de nosso pai não tenha sido em vão.

Adrian: (Em lagrimas) Farei tudo que estiver ao meu alcance.

 

Adriel sorri e em seguida fechas os olhos não respondendo mais. Adrian chora. Gildore e Borowir se aproximam.

 

Borowir: Sinto muito.

 

Adrian com uma expressão séria se levanta e coloca o pingente no pescoço. Em seguida pega sua espada e a coloca na cintura.

 

Gildore: Aonde você vai meu jovem?

Adrian: Irei resgatar Sarah.

 

Gildore: (Apontando para o pingente) Ele a quer. Vodijha. Não podemos entregar para ele.

Borowir: Eu irei com você Adrian.

 

Adrian vai em direção ao cavalo e monta se preparando para partir. Ele olha ao redor vendo a cidade destruída e as pessoas feridas.

 

Adrian: Não, eu irei sozinho. Gildore ajude os feridos e Borowir você precisa reunir o restante dos soldados e homens capazes de lutar.

Borowir: Mas você não pode ir sozinho, ele é muito forte.

Adrian: Eu ficarei bem.

 

Adrian dá o comando e o cavalo parte para fora da cidade. Imagem foca em Gildore e Borowir.

 

Borowir: Ele conseguirá?

Gildore: Ele é o Witcher, devemos colocar todas as nossas esperanças nele.

 

CORTA PARA…

 

Cena 07 (Fronteira – Tarde – Ext.)

Imagem mostra um soldado caminhando entre vários homens que atiram grandes rochas contra a fronteira. Um deles que está parado observando a fronteira chama sua atenção.

 

Soldado 01: O que está fazendo soldado?

Soldado 02: O Sol está se pondo e a fronteira ainda permanece fechada.

Soldado 01: Ela está se enfraquecendo. Logo conseguiremos entrar.

 

Um outro soldado chega aflito.

 

Soldado 03: Meu senhor, parece que lorde Aladark deseja notícias suas.

 

Close no soldado 01 se mostrando apreensivo.

 

CORTA PARA…

 

Cena 08 (Eldor – Salão Oval de Aladark – Tarde – Int.)

Abre em Aladark em frente a um pedestal com um livro sobre ele. Close no livro que contém páginas em branco. De repente letras começam a aparecer em cor de sangue. Aladark lê com seriedade. Um soldado de grande porte físico aparece e curioso se aproxima de Aladark.

 

Soldado: Alguma notícia milorde?

 

Aladark se afasta se mostrando ansioso.

 

Aladark: A fronteira está se enfraquecendo Kane.

Kane: Isso é bom milorde, logo terá o livro e a princesa.

 

Aladark: A princesa não é mais tão importante. Com o livro ela e o rei serão indispensáveis. Eu preciso do “Livro das Sombras”.

 

Close em Kane que olha curioso para Aladark.

 

CORTA PARA…

 

Cena 09 (Floresta de Null – Tarde – Ext.)

Cam percorre a floresta até encontrar Adrian que surge cavalgando em alta velocidade entre as arvores em meio a nevoa que encobre a região. Foca em seu peito dando destaque ao brilho do pingente. Adrian para e observando a luz do pingente, desce do cavalo e observa mais adiante a fronteira. Ele lentamente vai caminhando olhando para o chão até que para e se abaixa. Ele examina o solo e percebe um rastro.

 

Ele retira a espada da cintura e continua seguindo os rastros até que ouve sussurros.

 

Adrian: Sarah?

 

Ele olha ao redor e avista Sarah amarrada e amordaçada em uma arvore.

 

Adrian: Sarah!

 

Ele corre em sua direção, mas de repente Wolfric entra na em seu caminho e o ataca. Adrian se defende chocando sua espada com a dele. Os dois travam uma batalha.

 

CORTA PARA…

 

Cena 10 (Praça em Frente ao Palácio – Tarde – Ext.)

Imagem em close de uma jovem menina, ferida na perna, aparentando ter 12 anos sentada no chão. Gildore está ao seu lado. Ele fecha os olhos e estende a mão sobre a ferida.

 

Gildore: “Mittentes qui sanitatis”

 

A ferida se fecha lentamente. Gildore abre os olhas e olha para a menina que sorri para ele.

 

Gildore: Pronto, novinha em folha.

Menina: (Sorrindo) Obrigada mestre Gildore.

 

Ela se levanta e sai correndo. Gildore observa mais a frente vários soldados reunidos em frente ao palácio e Borowir a frente deles.

 

Corta em Borowir acima do degrau do Palácio em meio a um discurso.

 

Borowir: Povo de Arghon! O que aconteceu hoje foi uma tragédia. O que vocês testemunharam aqui não é nada perto do que realmente está lá fora. A fronteira está se enfraquecendo e logo as forças de Eldor, sobre o domínio de Aladark invadirão nossas terras. Não podemos deixar o inimigo tomar o que é nosso.

 

Um dos guardas a frente responde.

 

Guarda: (Ansioso) O que podemos fazer? Nosso vilarejo foi destruído por drakors. Estamos sem força. Não temos como resistir Borowir.

 

Borowir desce do degrau e se aproxima do guarda. Ele apoia sua mão sobre seu ombro.

 

Borowir: (Esperançoso) Temos o Witcher ao nosso lado, que lutará por nós. Temos uns aos outros. Temos o grande mago da montanha ao nosso lado (close em Gildore). Temos nossa honra e nossa liberdade, e isso já é grande coisa. Por tudo isso vale a pena lutar. Os que aqui morreram, não tiveram sua morte em vão.

 

Borowir levanta sua espada.

 

Borowir: (Com firmeza) Vamos resistir por Arghon!

 

Todos se manifestam levantando suas espadas para o alto e gritam. Close em Gildore sorrindo.

 

CORTA PARA…

 

Cena 11 (Floresta de Null – Tarde – Ext.)

Cena abre em meio ao duelo entre Adrian e Wolfric. Adrian o golpeia com força, mas Wolfric se defende com a espada e dá um chute forte em Adrian o jogando para longe, fazendo com que ele derrube a espada. Em seguida chuta a espada para longe e corre em direção a Sarah. Ele a desamarra e a ameaça com a espada em seu pescoço. Adrian se levanta cautelosamente. Close no pingente que brilha em seu peito.

 

Wolfric: Se você quer que ela permaneça viva entregue a pedra em seu pescoço.

 

Sarah acena com a cabeça negativamente sem poder falar. Adrian olha para ela sem saber o que fazer. Ele retira o pingente.

 

Wolfric: Jogue-o para cá e ela será libertada.

 

Adrian hesita por alguns segundos e joga o pingente em direção a Wolfric.

 

Adrian: Agora solte-a.

 

De repente ouve-se um ruído e algo batendo nas arvores. Wolfric sorri e joga Sarah fazendo-a cair no chão, rapidamente pega o pingente e foge. Adrian observa algo se movendo no alto entre as arvores.

 

Adrian: (Preocupado) Sarah aguente firme.

 

Ele rapidamente pega sua espada e monta no cavalo. Em seguida o cavalo vai em alta velocidade em direção a Sarah. De repente um drakor voa com rapidez prestes a atacar Sarah no chão amarrada sem poder se mexer.

 

EFEITO SLOW MOTION.

 

Quando o drakor se aproxima prestes a ataca-la Adrian passa com o cavalo e golpeia o drakor arrancando sua cabeça.

 

FIM DO SLOW MOTION.

 

Adrian desce do cavalo e desamarra Sarah tirando a mordaça de sua boca. Ela reage o abraçando.

 

Adrian: Você está bem?

Sarah: Estou. Graças a você.

 

Adrian ajuda Sarah a levantar. Os dois se entreolham permanentemente.

 

Adrian: Vodijha!

Sarah: (Confusa) O que?

Adrian: Ele a pegou. Agora ele tem Vodijha e o Livro das Sombras. Preciso pegá-lo.

 

Adrian monta no cavalo, Sarah o segue.

 

Sarah: Eu irei com você.

Adrian: Não. É muito arriscado, você deve voltar para o vilarejo.

Sarah: (Insistindo) Eu preciso ir. Vodijha me guiou até você. Ela me guiou em segurança por todos os lugares e até me ajudou a salvar a sua vida. Eu irei por ela.

 

Adrian acena positivamente com a cabeça e a ajuda a montar no cavalo. Em seguida Adrian dá o comando e o cavalo segue em alta velocidade.

 

CORTA PARA…

 

Cena 12 (Fronteira – Noite – Ext.)

A cena abre em Wolfric correndo em direção à fronteira. Ele para em frente a grande barreira verde escura. Em seguida retira do peito o pingente que brilha e emite um som agudo. Close em Wolfric que sorri.

 

Wolfric: É agora. Serei recompensado.

 

De repente ouvimos som de cavalo se aproximando e a voz de Adrian.

 

Adrian: Não vai não!

 

Wolfric guarda o pingente e vira-se para Adrian com expressão de raiva. Imagem mostra Adrian e Sarah descendo do cavalo. Adrian retira a espada da cintura que emite um brilho ofuscante.

 

Os dois se encaram. Adrian faz sina para Sarah se afastar. Em seguida Wolfric parte para cima de Adrian que se defende com a espada. Os dois iniciam uma batalha. Adrian o ataca, Wolfric o bloquia com a espada e dá um forte chute o jogando longe. Adrian cai e Wolfric o golpeia com raiva, porém adrian se desvia e rapidamente se levanta.

 

Os dois se olham. Adrian observa o pingente em seu pescoço e o livro amarrado em sua cintura. Adrian ataca mirando no peito de Wolfric, porém ele desvia com um giro. As espadas se chocam novamente e em um movimento rápido Adrian fere Wolfric no braço. Ele grita e empurra com força Adrian que se afasta. Os dois se encaram.

 

Adrian: Os homens de Arghon logo estaram aqui. Desista e me entregue a pedra e o livro.

Wolfric: Jamais! Vou acabar com você Witcher e serei recompensado por Aladark. Imagina como ele vai me recompensar.

 

Enquanto Wolfric fala Sarah pega uma adaga em que está dentro de uma bolsa amarrada a cela do cavalo e em seguida vai caminhando em direção a Wolfric cautelosamente.

Wolfric: Serei seu braço direito. O general de Eldor.

 

De repente Wolfric é apunhalado por trás. Ele reage golpeando Sarah que cai e bate a cabeça sobre uma pedra perdendo a consciência.

 

Adrian: Sarah!

 

Adrian corre em direção a ela. Ele a levanta tentando acordá-la porém ela não responde.

 

EFEITO SLOW MOTION.

 

Close em Wolfric que começa a se transformar. Os olhos ficam vermelhos e pelos começam a surgir. As presas crescem e rapidamente ele se transforma em lobisomem.

 

FIM DO SLOW MOTION.

 

Adrian segura a espada com firmeza que brilha.

 

O lobisomem pega sua espada grande e ataca Adrian que desvia e tenta fugir. O lobo dá um salto tomando a frente de Adrian. Adrian dá um golpe com a espada que se choca com a do lobo. O lobo movimenta a espada fazendo-a com que Adrian se afaste e caia no chão deixando a espada escapar para longe. O lobo dá um uivo e pega Adrian pelo pescoço suspendendo-o. Ele o encara com raiva. Adrian respira com dificuldade e tenta se soltar, porém não consegue. Ele olha para a espada que está distante.

 

Close em Sarah que acorda e observa Adrian suspenso pelo lobo.

 

Sarah: Adrian!

 

Sarah tenta se levantar com dificuldade. Corte rápido para o lobo que encara Adrian. Ele sorri para Adrian que vai perdendo o ar quase desmaiando. Ele estende a mão em direção a espada que brilha. De repente a espada se move e é atraída para a mão de Adrian que a pega e em um movimento rápido ele atinge o lobo no estomago. Rapidamente o lobo o solta e Adrian cai no chão.

 

Sarah corre em direção a Adrian e tenta ajudá-lo a se levantar.

 

Sarah: Você está bem?

Adrian (Sem folego) Sim.

 

O lobisomem ferido rapidamente se transforma em Wolfric. Adrian caminha em direção a ele, se aproxima, se abaixa e o examina.

 

Adrian: Ele está morto.

 

Ele retira o pingente de seu pescoço e o recupera o livro. Adrian pega o pingente onde a pedra brilha e emite um som agudo e agradável. Ele o coloca no pescoço de Sarah que sorri. Close nos dois.

 

Adrian: Isto lhe pertence.

Sarah: Você conseguiu. Recuperou o livro e a Vodijha.

 

Os dois se encaram afetuosamente e se aproximam prestes a se beijarem, porém Adrian interrompe o momento por algo que chama sua atenção. A cam se movimenta mostrando uma pedra gigante em chamas atravessando a fronteira indo em direção aos dois. Adrian empurra Sarah e se afasta antes da pedra atingi-lo. Ela passa por eles e atinge o chão e algumas arvores causando uma pequena explosão. Ao redor vemos muitas chamas e arvores queimadas.

 

Adrian se levanta com dificuldade olhando para a fronteira onde há uma abertura causada pela rocha. Sarah se levanta e se aproxima dele.

 

Adrian: Você está bem?

Sarah: Sim. Veja a fronteira foi rompida.

 

Os soldados começam a atravessa-la. Adrian segura a espada a frente do corpo com firmeza e encara os soldados. Dez soldados atravessam a passagem. O comandante toma a frente.

 

Comandante: Ora ora, o que temos aqui. A filha do rei e o Witcher.

Adrian: (Encarando) Seja o que estiverem pretendendo fazer aqui não conseguiram.

 

Os soldados riem exageradamente.

 

Comandante: Quem vai nos impedir? Você sozinho? Isto que você está vendo aqui não é nada, há muitos do outro lado. Tudo que queremos é o livro. Nos entregue e faremos com que tenham uma morte rápida e piedosa.

 

Close em Adrian.

 

Adrian: (Sério) Você quer o livro? Sinto muito mais nem eu, nem Aladark o terá?

Comandante: (Confuso) O que?

 

Imagem fecha em Adrian. Ele joga o livro em direção a uma fogueira causada pela explosão.

 

EFEITO SLOW MOTION

 

A cam acompanha o livro.

 

Comandante: Não! Peguem-no.

 

Os soldados correm desesperados para pegar o livro, porém ele cai em meio ao fogo.

 

FIM DO SLOW MOTION

 

O livro começa a queimar e faíscas brancas começam a sair do fogo. Os soldados tentam pegá-lo, porém as chamas aumentam e de repente, uma explosão faz com que os soldados queimem. Close no comandante surpreso.

 

Comandante: (Com raiva) Eu avisei. Agora vocês pagarão com a vida. Terão uma morte lenta e dolorosa. Vocês e essa maldita terra.

 

De repente uma flecha atinge o comandante no peito. Ele imediatamente cai morto. Sarah e Adrian olham para trás e avistam Borowir montado em um cavalo, com o arco apontado e ao seu lado Gildore. Atrás deles há vários soldados.

 

Borowir: Não se pudermos evitar.

 

Os soldados do outro lado se mostram surpresos. Adrian levanta a espada e avança, seguido de Sarah com uma espada. Em seguida Borowir faz um sinal.

 

Borowir: Lutem, por Arghon!

 

Os soldados de Arghon avançam e uma batalha começa. Adrian ataca dois soldados os matando, mas em seguida é atacado por três, porém ele desvia-se com um giro e golpeia mais dois. Imagem se movimenta para Sarah que ataca um soldado, logo a frente ela é atacada, mas em um movimento rápido ela desvia e o golpeia por trás. Borowir aparece em seguida e mata mais três soldados ao redor de Sarah.

 

Borowir: Afaste-se princesa, não é seguro aqui.

Sarah: Eu não vou fugir. Lutarei pelo povo que me ajudou.

 

Borowir se mostra surpreso. Imagem avança para Adrian que luta com um soldado. Adrian o golpeia, porém ele se defende. Logo atrás vem outro prestes a ataca-lo mas é atingido por uma bola de fogo lançada por Gildore.

 

Adrian: Obrigado Gildore.

 

Gildore acena com a cabeça retribuindo. De repente cinco soldados avançam em direção a Gildore. Ele estende as duas mãos e lança raios atingido os soldados eletrocutando-os. Gildore observa cada vez mais soldados entrando pela fronteira. Ele corre em direção a Sarah atacando soldados a sua frente com bolas de fogo.

 

Gildore: Sarah! O pingente. Use o pingente para fechar a fronteira.

 

Sarah acena com a cabeça positivamente. Gildore vai abrindo caminho lançando fogo fazendo os soldados recuarem até que Sarah consegue se afastar da batalha. Ela olha para o pingente que brilha. Ela retira do pescoço e o aponta em direção à fronteira.

 

Sarah: Vamos Vodijha. Me dê a sua luz.

 

De repente mais soldados atravessam a fronteira.

 

EFEITO SLOW MOTION

 

Audio em off.

 

Cada vez mais soldados entram. Imagem mostra cenas da batalha. Muitos soldados de Arghon em menor número sendo mortos. Adrian e Borowir lutam lado a lado. Sarah fecha os olhos e segura o pingente com firmeza. A pedra emite um brilho mais intenso. O brilho emite uma luz branca em direção a fronteira.

 

FIM DO SLOW MOTION

 

Audio on.

 

Cena mostra a fronteira que começa a se fechar. Alguns soldados tentam voltar mas acabam sendo queimados pela barreira que vai se fechando. Todos param e a batalha cessa por um momento. Todos ficam surpresos ao ver a barreira fechada. Os soldados de Eldor ficam assustados. Close em Sarah abrindo os olhos.

 

Sarah: (Sorrindo) Muito bem Vodijha.

 

Corta em Adrian que observa ao redor. A cam gira 180° a sua volta. Ele olha para vários soldados de Arghon mortos e para os soldados de Eldor que estão em menor número. Em seguida segura a espada a frente do corpo e os encara.

 

Adrian: Atacar!

 

Adrian e Borowir avançam juntos seguidos pelos guardas de Arghon. Os soldados de Eldor se afastam com medo, porém rapidamente são atacados. A batalha começa novamente. Adrian segue avançando e Borowir ao seu lado perseguindo os soldados de Eldor e os matando com facilidade.

 

Cena aérea mostra a imagem geral da batalha que rapidamente termina. Corta em Adrian que golpeia e mata o ultimo soldado de Eldor. Ele olha ao seu redor por um momento. Gildore se aproxima.

 

Gildore: Acabou.

Borowir: Vencemos.

 

Borowir olha para os guardas de Arghon e levanta a espada para o alto.

 

Borowir: Vencemos!

 

Imagem aérea mostra os soldados que levantam suas as armas e dão um grito de comemoração. Cam vai se afastando.

 

Fade off

 

Fade in

 

Cena 13 (Palacio do Conselho – Tarde – Int.)

A cena abre em um grande salão onde estão várias pessoas em meio a uma festa. A cam vai avançando entre o salão mostrando pessoas comorando com canecas de cerveja e cálices de vinho e dançando, até que chega a Adrian que está em um canto observando em silencio. Gildore se aproxima com um copo na mão e percebe seu silencio.

 

Gildore: O que há garoto? Alguma coisa errada?

Adrian: (Confuso) Nada Gildore.

Gildore: (Insistindo) Vamos, fale, o que houve?

Adrian: Eu perdi tudo que tinha Gildore. Minha família se resumia a Adriel e a meu pai, e eles se foram. Eles morreram por minha causa e eu me sinto culpado por isso.

 

Gildore apoia sua mão no ombro de Adrian.

 

Gildore: Ouça meu jovem. Eles não morreram por sua causa. Eles morreram porque acreditavam naquilo que você representa. A esperança.

Adrian: Eu não sei se eu sou o que vocês pensam. Não sei se sou o herói que vocês esperam que eu seja.

Gildore: Acredite Adrian, você é muito mais do que isso. E mesmo que você não perceba ou não queira, você não terá escolha. O destino do mundo estará em suas mãos, mas acredite, você não estará sozinho. Este destino foi atribuído a você. “O destino do herói“.

 

Adrian se mostra confuso.

 

Adrian: Tem outra coisa também Gildore.

Gildore: O que foi?

Adrian: Eu…(pausa) Eu tive sonhos… Não sei direito. Acho que eram visões.

Gildore: Acredite Adrian, eu já venho suspeitando disso há muito tempo.

Adrian: Você sabe o que significam? Alguns são terríveis, acha poderão acontecer?

Gildore: (Preocupado) Não tenho as respostas agora meu jovem, mas de qualquer forma acredito que não seja prudente pensar nisto agora. Vamos comemorar, amanhã iniciaremos nossa jornada.

 

Gildore dá um leve tapa no ombro de Adrian e sai. Adrian continua observando a festa até que algo chama a sua atenção. Imagem mostra Sarah dançando em mio as pessoas. Adrian a observa e sorri.

 

De repente ouvimos uma voz no fundo.

 

Voz: Atenção de todos por favor!

 

Um soldado levanta o copo apontando para Borowir que está sentado em uma mesa.

 

Soldado: Um brinde ao novo conselheiro de Arghon. Sir Rhyfel Borowir!

 

Todos brindam com palmas.

 

Soldado: E também, aquele que nos traz esperanças nestes momentos de dificuldade. O Witcher.

 

Adrian se mostra surpreso. Imagem mostra a geral do salão com todos se curvando em reverencia a Adrian.

 

Fade off

 

Cena 14 (Fronteira – Tarde – Ext.)

Cena abre em Sarah arrumando a sela do cavalo com dificuldade. Adrian se aproxima e a ajuda.

 

Adrian: Pode deixar.

Sarah: (Sorrindo) Obrigada.

 

Os dois se entreolham afetuosamente. Em seguida chega Gildore quebrando o clima.

 

Gildore: Agora nossa jornada começa. Preparados?

Adrian: Sim, está tudo pronto.

 

Brorowir se aproxima e abraça Adrian.

 

Borowir: Se permitisse eu iria com você meu amigo.

Adrian: Você sabe que não pode. As pessoas desta terra precisam de você, é o novo conselheiro.

Gildore: Tenho certeza que nos encontraremos novamente meu caro conselheiro.

 

Borowir sorri e abraça Gildore. Sarah se aproxima. Borowir faz uma reverencia e beija sua mão.

 

Borowir: Milady.

Sarah: Um dia Eldor será um bom reino novamente e não iremos nos esquecer de nossos amigos do oeste.

 

Gildore: É hora de partir, vamos.

 

Eles montam nos cavalos e seguem em direção à fronteira até que param em frente a ela. Sarah aponta o pingente e a fronteira se abre formando uma passagem.

 

CORTAM FUSÃO PARA…

 

 

Cena 15 (Westland – Montanha – Tarde – Ext.)

Cena abre em Adrian montado em seu cavalo no centro entre Gildore e Sarah. Os três estão em uma montanha avistando uma vasta região, entre montanhas, vales, florestas e rios. Imagem destaca-se pelo pôr do sol.  Gildore observa Adrian, que contempla a vista além da montanha.

 

Gildore: Você está preparado meu jovem. Daqui para frente nossa jornada será incerta e tudo que conhece ficará para trás.

Adrian: (Esperançoso) Sim. Uma vez alguém muito sábio me disse que “nesta vida não podemos voltar, mas apenas nos é dado a opção de seguir em frente.”

 

Gildore Sorri. CAM se distancia para uma visão aérea.

 

Imagem vai se fechando dando destaque para o brilho do Sol que vai se pondo entre as montanhas.

 

Fade out

Fade in

 

Cena 15 (Eldor – Salão Oval de Aladark – Noite – Int.)

Cena abre no centro do salão oval em um ambiente escuro iluminado por algumas velas e pela bola de cristal no centro. De repente a porta se abre com força e Aladark entra com uma expressão raivosa, seguido de Kane. Aladark vai em direção ao pedestal aonde para e começa a observar a bola de cristal que brilha.

 

Kane: E agora meu senhor? O Witcher e a princesa devem estar vindo para Eldor.

Aladark: Não. Eles não serão tão tolos de virem direto para as terras de Eldor. Gildore deve estar planejando algo.

Kane: Quais são as ordens milorde? O que vamos fazer agora?

Aladark: Não faremos nada. Não por enquanto.

 

Kane se mostra confuso.

 

Aladark: Vamos fazer com que o povo fique contra ele. Ofereça uma recompensa. (Sorri) Quem me trouxer o witcher e a princesa vivos terão uma recompensa além do que se pode imaginar.

 

Close em Aladark.

 

Fade out.

 

FIM DO EPISÓDIO.

CRIADO POR

Douglas Souza

ELENCO:

Craig Horner: Adrian d’Alanmir

Kate Stewart: Princesa Sarah

Bruce Spence: Elbereth Van der Gildore

Clive Standen: Rhyfel Borowir

Rory McCann: Argos Wolfric

 Joseph Fiennes: Samoran Aladark

Gethin Anthony: Adriel d’Alanmir (Concelheiro)

Oliver Walker: Capitão Kane

 

PRODUZIDO POR:

Douglas Souza

Clayton Correia

Bruno Junior

ESCRITO E DIRIGIDO POR:

Douglas Souza

PRODUÇÃO:

MOONLIGHT PICTURES

UNBROKEN PRODUCTIONS

Todos os direitos reservados ©